Notícias

Fev 26, 2015

Prejuízo Fiscal

Segundo a legislação vigente, as pessoas jurídicas poderão compensar prejuízos fiscais para fins de determinação do Imposto de Renda (IRPJ), sendo este apurado na Demonstração do Lucro Real de determinado período e registrado na ECF (Escrituração Contábil Fiscal) pela parte B do Livro de Apuração do Lucro Real (LALUR) para compensação nos períodos subsequentes (independentemente da compensação ou absorção de prejuízo contábil).

Nesse caso, se faz necessária a verificação dos períodos em que houve prejuízo fiscal e confirmar se esses foram devidamente compensados com o lucro auferido nos períodos seguintes. Caso haja o que ser recuperado, poderão ser compensados aqueles resultados positivos obtidos em exercícios futuros, observando o limite de aproveitamento de 30% sobre o valor do lucro liquido do período, ajustado pelas adições e exclusões na forma do disposto no Regulamento do Imposto de Renda. (art. 510 do Decreto 3.000/99 – RIR/99).

Sendo assim, deve-se retificar a DIPJ e atualizar os valores pela Taxa SELIC. Após todos os devidos procedimentos, o crédito do prejuízo fiscal poderá ser recuperado e utilizado, cabendo assim deixar claro que o prazo de aproveitamento para tal crédito não é prescritível. A partir do primeiro dia do ano de 1996, os prejuízos não operacionais (resultados decorrentes da alienação de bens do ativo permanente) apurados pelas pessoas jurídicas somente poderão ser compensados com os lucros da mesma natureza.

Na exploração de atividades rurais, a pessoa jurídica não é limitada ao aproveitamento de 30% do prejuízo fiscal, podendo, se precisar, usar os 100% de uma vez. Bem como aos apurados pelas empresas industriais titulares de Programas Especiais de Exportação (Befiex), aprovados até 3 de junho de 1993 (art. 95 da Lei n o 8.981/95, com a redação dada pela Lei n o 9.065/95).

Deve-se ficar atento ao fato de que se uma empresa tiver “Prejuízo Fiscal” e não aproveitá-lo, poderá ter recolhido valores indevidamente ou a maior. Esses valores serão passíveis de recuperação administrativa, através de PERDCOMP. É importante salientar que, nesse caso, a compensação deverá ser precedida das devidas retificações onde os valores apurados indevidos ou a maior foram informados (DCTF e DIPJ).

Fonte: Portal JusBrasil


Veja também:
Por que a publicação científica é tão importante para o fomento da pesquisa?
Nov 07, 2017

Por que a publicação científica é tão importante para o fomento da pesquisa?

  As tecnologias se renovam, teorias são desenvolvidas, antigas leis e práticas se tornam obsoletas e são substituídas por novas ideias. E tudo isso se constrói a partir dela: da ciência. A pesquisa é o coração do desenvolvimento da humanidade e temos o privilégio de ter tantas mentes brilhantes trabalhando a favor de uma sociedade […]
Malha fina por SMS
Dez 08, 2014

Malha fina por SMS

O contribuinte que não estiver em dia com a Receita Federal e for pego na malha fina pode receber uma notificação através de mensagem de texto no celular.
Seja nosso associado
Jun 03, 2016

Seja nosso associado

Venha fazer parte de um grupo seleto de pensadores e estudiosos do Direito Tributário e aproveite as vantagens exclusivas de fazer parte da Abradt ou Abradt Jovem.
Abradt Jovem e IMDT realizam seminário
Abr 11, 2017

Abradt Jovem e IMDT realizam seminário

Abradt Jovem e IMDT realizam no dia 25 de abril o "Seminário - Exclusão do ICMS da Base de Cálculo do PIS e da COFINS: Próximos passos". O evento,. gratuito para associados ABRDAT e IMDT, será na Livraria D’Plácido, em Belo Horizonte.
Homenageado: Ministro Luís R.Barroso
Jun 28, 2017

Homenageado: Ministro Luís R.Barroso

Aproxima-se mais uma aguardada edição do Congresso Internacional de Direito Tributário da Abradt e, como já é tradicional, o evento de 2017 homenageia uma importante figura do direito brasileiro: o jurista, professor e magistrado Luís Roberto Barroso.
Homenagem à Misabel Derzi
Set 26, 2016

Homenagem à Misabel Derzi

Um dos grandes momentos do encerramento do XX Congresso Internacional de Direito Tributário da ABRADT no dia 16 de setembro foi a homenagem especial à professora Misabel Derzi. Antes de proferir a palestra de encerramento, a professora recebeu uma homenagem da diretora jurídica da ArcelorMittal Brasil, Suzana Fagundes Ribeiro de Oliveira.  Confira o belo discurso […]